sexta-feira, 18 de maio de 2018

PROVA

Alunos dos 9º anos realizam hoje a Prova da OBA - Olimpíada Brasileira de Astronomia, depois de trabalharem em sala de aula com os professores de Geografia e fazerem os simulados no laboratório de informática, chegou o dia de mostrarem seu conhecimento sobre o assunto.






segunda-feira, 14 de maio de 2018

ENCONTRO AEE - ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO

As Professoras do Atendimento Educacional Especializado reuniram-se no dia 11 de maio na sala do AEE do CEM Antônio Porto Burda, conforme cronograma anual de encontros, para acompanhamento das atividades realizadas em cada sala, organização e discussão do desenvolvimento do Projeto do AEE – 2018 e confecção de materiais pedagógicos. 
O livro: DIVERSIDADE de Tatiana Belinky faz parte do projeto e está sendo explorado neste bimestre, com objetivo de refletir sobre o respeito às diferenças, a valorização do ser humano, a luta por igualdade de direitos e pela inclusão das pessoas com deficiência. 
Se todo mundo fosse igualzinho, o mundo não teria graça!
Mas só reconhecer que as pessoas são diferentes, não basta. É preciso respeitar as diferenças!
Através de um poema e figuras, o livro fala sobre a importância do respeito as diferenças, mostrando que cada um tem suas qualidades e defeitos, mas todos merecem ser compreendidos e respeitados, independente de quem seja, convidando o leitor a ter um olhar diferente em relação as pessoas que convivem conosco, seja na família, na rua, na cidade onde moramos, nos locais onde frequentamos e com nossos amigos, vendo como é maravilhoso cada um ter sua característica própria e como diz a própria autora: como seria chato se todo mundo fosse igual. Um livro pequeno, porém de uma gigantesca mensagem de cidadania.
E os versos de DIVERSIDADE nos ensinam isso, que não há um jeito único de ser: “Assim ou assado, todos são gente, tudo é humano”.
Tatiana Belinky







sexta-feira, 11 de maio de 2018

IMPRESSIONISMO

Impressionismo foi um movimento que se manifestou, especialmente nas artes plásticas no fim do século XIX na França. Os impressionistas rejeitavam as convenções da arte acadêmica vigente na época. As pinturas do Impressionismo captavam as impressões perceptivas de luminosidade, cor e sombra das paisagens, por isso pintavam o mesmo quadro em diferentes horários do dia.
Impressionismo: Nascer do Sol, obra de Claude Monet (1872).
Impressionismo: Nascer do Sol, obra de Claude Monet (1872).
O termo “impressionista” deriva de uma das obras mais significativas obras desse movimento - Impressão: Nascer do Sol, de Monet. Outra explicação diz que o termo foi usado pela primeira vez pelos caluniadores do movimento, que consideravam as obras inacabadas e o nome foi aceito e adotado pelos artistas desse estilo.

fonte:https://www.infoescola.com/movimentos-artisticos/impressionismo/

Os alunos dos 8º anos estudaram e retrataram o Impressionismo nas aulas de Arte sob a regência da Professora Elenita.








quinta-feira, 10 de maio de 2018

ENTREGA DE BOLETINS 1º BIMESTRE

Nos dias 07, 08 e 09/05 foram entregues aos pais ou responsáveis os boletins do 1º bimestre, ficamos muito felizes, pois a maioria dos pais/responsáveis compareceram na escola, totalizando 282. Quando os pais participam ativamente da vida de seus filhos e se engajam, inclusive, no cotidiano escolar deles, a tendência é que eles se dediquem e se esforcem mais, além de se sentirem amados e apoiados. O pai que procura saber sobre a relação dos filhos com os professores, comportamento em sala de aula, notas e dificuldades nas matérias, sobre tudo relacionado ao rendimento escolar do filho, normalmente está disposto a ajudar o professor a vencer os desafios em sala de aula, adotando medidas complementares em casa. 

Isso, inevitavelmente, promove uma melhora na performance do aluno.









segunda-feira, 7 de maio de 2018

PASSEIO CASA DA CULTURA LYDIA FREY

A Casa da Cultura Lydia Frey foi a primeira casa de alvenaria de Fraiburgo, onde os tijolos foram assentados com barro. Construída em 1948, foi a residência do casal Lydia e Arnoldo Frey, um dos fundadores do município. Em 17/10/1988, após doação do imóvel ao município pelos seus filhos Erica e Egon, a casa recebeu o nome "Casa da Cultura Lydia Frey", abrigando hoje o Museu Histórico e a Biblioteca Pública da cidade e passando a ser mais um dos belos atrativos da Terra da Maçã.

Fonte:http://www.hotelrenar.com.br/pontos/7/casa-da-cultura

Sexta-feira 04/05 os alunos dos 9º anos visitaram a Casa da Cultura de nosso município, um passeio enriquecedor, onde puderam descobrir um pouco mais sobre a história de nossa cidade. Professora Ana Maria que trabalha na casa contou a história de uma forma atrativa e estimulante, os alunos conheceram objetos antigos, a família fundadora, a biblioteca, os foguetes e seu sistema de acionamento e funcionamento. 
Aproveitando convidamos e reforçamos o convite da Professora Ana Maria para todos, mas principalmente aos nossos jovens estudantes, para que façam uso da casa e do seu belo jardim, tenham esse espaço como um ponto de encontro, para ler, conversar com os amigos, fazer um piquenique enquanto estudam, é um ótimo lugar para fazermos uso de maneira saudável e que está a nossa disposição, vamos aproveitar.